8 de agosto de 2008

EFICÁCIA DA ÁGUA


"C'est parce que l'eau a une puissance intime qu'elle peut redonner à l'âme pécheresse la blancheur de la neige. Est lavé moralement celui qui est aspergé physiquement."
Gaston BACHELARD, L'eau et les Rêves - Essai sur l'imagination de la matière, librairie José Corti, Paris, 1964, p. 194
Foto de Jurgen Gruber (Croácia)

4 comentários:

João Soares disse...

Boa tarde, Teresa P
Bonito excerto.
Tenho alguns sítios e ideias interessantes no meu Dossier Água.
Creio que gostará de visitar o meu blogue, Bioterra.
Abraço

Teresap disse...

Obrigada, João Soares, pelo seu blog e pelas informações sobre a água. De facto, as nossas águas juntam-se nos mesmos rios.

María disse...

Este excerto é, de facto, uma beleza! Obrigada Teresa!
Adoro água!
Vou procurar o blog do João Soares. Obrigada.
Entretanto, se quiser ver por onde andam os sentidos de algumas pessoas, umas mais tristes, outras mais animadas....enfim, um pouco de tudo, consulte, se estiver para isso
http://agendadossentidos.blogspot.com
Obrigada.

Teresap disse...

Maria: As águas lavam as mágoas e... quando ela é santa, dizem as pessoas que ensopa a dor e não a deixa voltar.